Levou tempo para que eu percebesse que quem presta muita atenção no que é dito não consegue escutar o essencial. O essencial se encontra fora das palavras.

Rubem Alves


sexta-feira, 19 de junho de 2020

Pedro Du Bois, Poemas


APRENDENDO A VOLTAR

XXIX
voltar é a representação gráfica
do naufrágio
e
a antevisão do encontro
não acontecido
ao acaso

nos cestos os ovos permanecem
estáticos em vidas
interiores

anteriormente
pensei desenhos
decompostos em traços
onde enredei
o sentido
da lembrança

a vida explode receptáculos
          e retorna como sina.


(Pedro Du Bois)
-------------------------------------------------------------------
outros poemas:

2 comentários:

Pedro Du Bois disse...

Gratíssimo por mais esse destaque. Abraços.

luis santos disse...


Somos gratos.
Abraço Geral.