O oceano é um Upanishad, a terra um Sutra, o sol um Corão, o vento um Evangelho. E tu uma deusa-deus que se rebola a nascer e morrer e a rir e chorar pelas colinas do tempo e do espaço até que regresses ao Infinito de onde tudo vem e de onde nada jamais saiu a não ser na mente estúpida que acredita piamente nas histórias que a si mesma conta para se distrair do Extraordinário que é. (Paulo Borges)


segunda-feira, 25 de dezembro de 2017

REAL... IRREAL... SURREAL... (285)


FERNANDO PESSOA 
Álvaro de Campos

ODE TRIUNFAL


Desenho de Pedro Sousa Pereira

À luz dos Prodígios e das Fanfarras dos Céus o 
REAL... IRREAL... SURREAL... 
deseja a todos os Amigos um Feliz Natal.

Selecção de António Tapadinhas

Sem comentários: