“ Que imenso descanso, não dar nome às coisas! Que infinito espanto, olhar para um mundo sem nome

Paulo Borges


sábado, 1 de dezembro de 2018

EG 106



ESTUDO GERAL
nov/dez     2018           Nº106

"Há um enorme silêncio que nos acena dentro de cada um de nós. É a recuperação do nosso próprio silêncio que nos começa a ensinar a linguagem celeste.”  
(Eckhart de Hochheim)

Sumário
Dar Voz ao Silêncio
Diarística
Real...Irreal...Surreal...
Praias do Sado
Lusos e Angolanos
Divulgação. Folclore.
Fotografia


---------------------------------Fim de Sumário----------------------------------

Sem comentários: