De que árvore florida chega? Não sei. Mas é seu perfume.

(Matsuo Basho)

terça-feira, 17 de janeiro de 2017

O DIÁRIO DA MATILDE - O MEU PRIMEIRO ANO DE ESCOLA

É tão bom almoçar na companhia das conversas dos pardalitos cheios de fantasias e brincadeiras. 

“-Ó pai, vamos jogar às palavras?” 
“-Aladino.” 

E eu, quando me sento no café para beber a bica e passar os olhos pelo jornal, levo o coração cheio, tão transbordante que nem dou conta das horas que passam até ao regresso a casa. 



E o Sol do princípio da tarde que faz o verde dos campos sorrir de amarelos.



Agora a Líbia mostra-se colaborante na luta contra o terrorismo. 
Kadhafi sabe que o seu regime também sucumbiria perante uma avalanche fundamentalista e, vai daí, os serviços secretos líbios trataram de prestar informações sobre a Al-Qaeda aos americanos. 
Para mostrar boa vontade, o país renunciou a programas de armas de destruição maciça e prepara-se para abrir portas a inspecções internacionais. 

Pessoalmente, desconfio destes ataques repentinos de sensatez. 
São tácticas que os ditadores usam para se manterem no poder. 



Malas e bagagens aviadas. 
A família vai passar o Natal em casa dos avós maternos. 



A produtividade da economia espanhola é setenta por cento superior à portuguesa. 


Portugal sofre de depressão ao nível da escola. 


 Alhos Vedros 
   23/12/2003

Sem comentários: