"Gaia", a Terra mãe, de onde nós humanidade saímos de um parto recente, após um desenvolvimento de 3.800 milhões de anos. A biosfera é uma finíssima "película" superficial. Cuidemos dela em vez de a delapidar e contaminar. Em grande parte a preservação da Natureza depende da nossa ação quotidiana.

José Augusto Batista


segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

REAL... IRREAL... SURREAL... (239)

Encontro de Jacob e Raquel, Bartolomé Esteban Murillo, 1665Óleo sobre Tela, 245,5 x 363,5 cm

Génesis significa origem, nascimento, criação, princípio, mas é também o primeiro livro não só da Bíblia Cristã como da Hebraica.  
Conta-se uma história no Génesis, capítulo 29, em que o pastor Jacob combinou com o seu patrão, Labão, trabalhar de graça durante sete anos, para casar com a sua filha, Raquel.

Camões contou esta passagem neste belo soneto:   

Sete anos de pastor Jacob servia
Labão, pai de Raquel, serrana bela;
mas não servia ao pai, servia a ela,
e a ela só por prémio pretendia.

Os dias na esperança de um só dia,
passava, contentando-se com vê-la;
porém o pai, usando de cautela,
em lugar de Raquel lhe dava Lia.

Vendo o triste pastor que com enganos
lhe fora assi negada a sua pastora,
como se a não tivesse merecida,

começa de servir outros sete anos,
dizendo: “Mais servira se não fora
para tão longo amor tão curta a vida”.

Esta lembrança vem a propósito dos SETE anos que o ESTUDO GERAL cumpre nesta data.
Nestes sete anos, tentámos honrar a nossa divisa e saudamos todos os que colaboraram connosco e também as 267.551 visualizações de páginas, das quais 8.639 no último mês, dos nossos leitores, que demonstram a vitalidade do nosso Blogue e da Revista do ESTUDO GERAL. Acreditamos em mais sete anos, tal como Jacob acreditou que teria o prémio merecido pelo seu trabalho.
A todos o nosso obrigado.
BEM-HAJAM!


Sem comentários: