“ Que imenso descanso, não dar nome às coisas! Que infinito espanto, olhar para um mundo sem nome

Paulo Borges


segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

REAL... IRREAL... SURREAL... (244)

Venho por este meio pedir desculpa aos
meus amigos, Monet, Picasso, Klimt e Schiele,
por ter estado tão perto deles no dia 24 de Fevereiro de 2017
e não os ter ido visitar.
Foi porque não tive, mesmo, tempo…



Sem comentários: